O que significa rollover nas casas de apostas

O que significa rollover nas casas de apostas

Da tradução literal “rolar”, o rollover é um dos termos mais utilizados nas apostas esportivas. Em resumo, são as exigências que as casas de apostas fazem para o usuário poder sacar os bônus.

Existem diferentes tipos de rollover. Na prática, portanto, cada site coloca suas próprias regras. Assim, resta ao apostador tentar cumpri-las para embolsar os bônus oferecidos.

Neste artigo, vamos entender melhor o que significa rollover nas casas de apostas. Além disso, conheceremos os diversos tipos de rollover e dicas para executá-los mais facilmente.

Rollover nas apostas esportivas: o que é

Certamente, você já se acostumou a ver inúmeras promoções de casas de apostas oferecendo bônus de boas-vindas. Aqui mesmo no ApostasFC, temos vários artigos que tratam do assunto.

Mas, você já parou para pensar que nenhuma casa de apostas sai por aí distribuindo dinheiro? Pelo contrário, o objetivo delas é ficar com o nosso capital. Por isso, sacar os bônus exige algum esforço por parte do apostador.

Aliás, convenhamos que existe até certa justiça nisso. Não fosse assim, todo mundo abriria conta nas casas somente para ficar com os bônus. Imagine, por exemplo, um site que oferece 100% de bônus sobre o primeiro depósito até R$ 200. Seria muito simples depositar R$ 200 e sacar R$ 400 logo em seguida, não?

Cada casa determina seu próprio rollover

Como vimos, o termo rollover significa “rolar” em inglês. Por analogia, é justamente isso que precisamos fazer com o nosso dinheiro para sacar os bônus. Ou seja, é necessário rolá-lo um determinado número de vezes em apostas.

Para que os requisitos sejam cumpridos, cada casa coloca suas próprias regras. Em algumas, a rolagem deve ser somente do valor do bônus propriamente dito. No entanto, em outras, é necessário rolar tanto os bônus quanto o depósito inicial. Neste caso, é o rollover chamado de depósito + bônus.

Para compreendermos melhor como funciona o rollover, vamos pegar um exemplo real.

Como funciona o rollover na prática

Neste nosso exemplo, utilizaremos a NetBet, casa que vem crescendo bastante no Brasil e patrocina Vasco da Gama e Fortaleza.

A NetBet oferece bônus de 100% de primeiro depósito, no limite de R$ 200. O rollover exigido para sacar os bônus (e os ganhos derivados dele) tem, basicamente, três regras:

– O usuário deve apostar oito vezes o valor do bônus mais o depósito que contabilizou para o bônus;

– Todo o rollover deve ser em eventos esportivos com odds de pelo menos 1.80;

– O rollover deve ser cumprido em até 60 dias após o depósito inicial.

Então, digamos que você se cadastrou no site e depositou R$ 200. Por consequência, ganhou outros R$ 200 de bônus, totalizando R$ 400 em sua banca.

Portanto, você terá de apostar R$ 3.200 (400×8) em odds de pelo menos 1.8 no período de dois meses.

Parece complicado, né? Calma, vamos explicar detalhadamente.

É mais fácil do que pode parecer

Em primeiro lugar, é importante ressaltar que a casa exige o valor apostado – e não, obrigatoriamente, ganho. Neste caso, então, sua obrigação é de apostar R$ 3.200 e não de lucrar este valor.

Aliás, vamos abrir parênteses aqui para uma dica importante. Se você é iniciante nas apostas esportivas, talvez tenha se assustado com estes valores. Inclusive, deve estar se perguntando: se eu tenho R$ 400 na banca, como vou apostar R$ 3.200?

Ocorre que a lucratividade nas apostas é medida, dentre outras formas, pelo ROI, ou seja, o retorno sobre o investimento. Assim, quanto mais você girar seu dinheiro, mais ganho potencial terá. Claro que, para isso, é preciso ter disciplina, método e gestão de banca.

Entenda as regras do seu rollover

Nós vimos acima as principais regras para o rollover da NetBet. Mas elas não são as únicas. Há detalhes como mercados e situações específicas que não entram para a contagem.

Por isso, é fundamental ler os termos e condições das ofertas de bônus antes de sair por aí tentando pegá-los. É importante avaliar, por exemplo, se você terá tempo de cumprir o rollover. Além disso, convém verificar se a odds mínimas exigidas são razoáveis. Afinal, um hipotético rollover de 15 vezes, na odds 2.2, em 30 dias, não é nada simples, concorda?

Em suma, existem bons e maus rollovers. Nesse sentido, o fundamental é conhecer as regras do jogo para, então, decidir se quer jogá-lo ou não.

.

.

Dicas para cumprir rollovers das casas de apostas

Nós preparamos algumas dicas que, certamente, vão te ajudar bastante a cumprir os rollovers das casas de apostas.

1 – Planeje-se

Lembra que os R$ 3.200,00 do nosso exemplo pareciam um valor exorbitante? Mas, certamente, se você pensar que tem de apostar pouco mais R$ 50 por dia não vai parecer tanto assim. Como chegamos neste número? Basta dividir os R$ 3.200 por 60, o que dá a dízima periódica de R$ 53,33. Planejando suas entradas, você dificilmente entrará no modo aleatório, ou seja, não sairá apostando somente para cumprir o rollover.

2 – Tenha gestão de banca

Não é por que o dinheiro do bônus não é seu que você vai apostar sem gestão de banca. Até mesmo no rollover, ela é fundamental. No nosso exemplo, não é preciso fazer uma aposta diária de R$ 53,33. Você pode fazer 10 entradas de R$ 5,33, diminuindo os riscos.

3 – Planilhe suas entradas

Se você não sabe quanto já cumpriu do rollover, é porque não anotou suas apostas. Portanto, anote tudo e facilite as coisas.

4 – Não tenha pressa

Ok, há um prazo a ser cumprido. Então, use-o a seu favor. Não queira fazer todo o rollover em tempo recorde, sob o risco de se dar mal.

5 – Tenha método

Assim como em qualquer projeto nas apostas esportivas, é importante saber como e quando apostar. Siga seus métodos lucrativos também para cumprir o rollover.

Agora você já sabe em detalhes o que significa e como funciona o rollover nas casas de apostas. Então, aproveite para conhecer o mais completo review das casas aqui no ApostasFC. E visite nosso canal no YouTube, que tem muitas dicas e palpites de apostas. Inclusive esse vídeo com os rollover mais fáceis de serem sacados pelo apostador:


AutorApostasFC
data03/06/2019


Compartilhe:

Deixe uma resposta