Favoritos para ganhar

Existem favoritos para ganhar a Copa América 2019?

A Copa América 2019 está a todo vapor, mas a pergunta que não quer calar é: afinal, existem favoritos para ganhar o título? Nessa matéria vamos apresentar quais são as grandes seleções favoritas para ganhar a Copa América 2019. Ao longo do texto serão apresentados alguns dados importantes que justificam as escolhas das favoritas.

Além disso, iremos dispor também alguns motivos que contradizem um pouco as tendências apresentadas. Assim você poderá fazer sua aposta de maneira mais consciente. Não se esqueça de fazer seu call to action (CAT) e aproveitar os bônus de boas-vindas na casa escolhida.

Quem são os favoritos e porque apostar neles?

Quem são os favoritos para ganhar a Copa América 2019? Adivinhe? Como sempre a seleção brasileira é a maior candidata para ganhar. Estatísticas e simulações apontam que apenas 7 seleções têm mais de 1 % de chance de ganhar a Copa América. As seleções que se enquadram em tal grupo são, em ordem crescente, Peru, Equador, Chile, Uruguai, Colômbia, Argentina e Brasil.

Para se ter uma ideia os três primeiro, Peru, Equador e Chile têm menos de 3% de chance de faturar o título. Os intermediários são Uruguai e Colômbia, ambos têm entre 3% e 7 % de levarem o título. Por fim, temos uma das maiores rivalidades das américas: Argentina e Brasil. A seleção argentina tem por volta de 15% de chance de levantar o caneco. Enquanto que a seleção brasileira está confortável perto de 65% de chance.

E como são feitos esses cálculos, simulações e estatísticas? Tudo é feito através de simulações e modelagens que levam os históricos dos jogos passados de cada time. O Brasil, por exemplo, tem 5 Copas do Mundo e a Argentina e Uruguai têm 2 Copas do Mundo cada. Além disso, são levadas em conta estatísticas recentes dos jogadores de cada seleção em ligas e campeonatos de renome.

Entendendo o grande favoritismo do Brasil

Um dos fatores que mais fazem o Brasil ser um dos maiores favoritos nas competições de futebol é sua longa tradição e histórico. O país é o maior vencedor das copas do mundo. O país tem uma tradição que é encorajada desde os tempos de Getúlio Vargas. Confira uma lista de fatos que confirmam que o Brasil é o país do futebol:

  1. Presença de mais de 700 times de futebol profissionais
  2. Os maiores craques da história em competições de futebol com nomes como Marta e Pelé
  3. Domina o futebol arte com grandes dribles como pedaladas, elástico, canetas, entre outros
  4. Os jogadores da seleção sempre estão entre as transferências mais caras da história. O recorde atual é de Neymar com 222 milhões de euros.
  5. Tem em seu histórico os maiores goleadores da história das competições de futebol.

Entendendo o favoritismo da Argentina

A Argentina, assim como o Brasil, apresenta um grande histórico quando o assunto é futebol. A Argentina apresenta um total de 14 títulos da CONMEBOL Copa América. Ademais, participou de 41 das 45 competições que teve e acabou vencendo mais de 34 % das Copa América que participou.

Além disso existem outras estatísticas que comprovam a força do futebol argentino. Entre eles destacam-se serem os maiores goleadores com mais de 400 gols com mais de 100 vitórias.

Somando a tudo isso o futebol argentino tem grandes estrelas como Lionel Messi, eleito 5 vezes o melhor do mundo.

As zebras são reais e podem aparecer

 A campeã mundial de 2014, Alemanha, foi eliminada na fase de grupos no mundial seguinte. Era, um dos times favoritos para 2018.  A Croácia foi vice-campeã.  Uruguai e Brasil, ambos participantes da Copa América 2019, eliminados nas quartas. Se pensarmos que os times que mais foram longe na Copa do Mundo de 2018 mais uma vez se justifica o favoritismo brasileiro.

Portanto, se observarmos os resultados das edições da Copa América de 2016, 2015 e 2011 apenas o Chile e Uruguai venceram. O último título brasileiro foi em 2007 e o argentino em 1993. Sendo assim é possível ver que as estatísticas a longo prazo apontam e confirmam tanto o favoritismo brasileiro como argentino. Porém em uma janela de tempo mais recente observamos que tais equipes não vêm obtendo os resultados desejados.

E então, vai apostar no histórico e tradição das competições de futebol dos argentinos ou brasileiros? Ou, ainda, vai inovar e buscar apostar nas potências recentes do futebol como Chile, Uruguai, Colômbia, Peru ou Equador? Quem sabe Japão ou Catar? Lembre-se, quanto mais improvável o ganho, maior o lucro.

Rivalo Apostas Esportivas


AutorLeandro Lima
data28/06/2019


Compartilhe:

Deixe uma resposta