AFC na Copa: Seleção da Alemanha

“Lá vem eles de novo…” A frase icônica do narrador Galvão Bueno certamente traz péssimas memórias para os brasileiros. Porém, no contexto que trazemos a partir de agora garantimos desde já que tentaremos não evocar sentimentos ruins, certo? Para falar da Seleção da Alemanha nas Copas é simples, afinal é das gigantes e especialistas no assunto troféus e bons desempenhos. Confira agora a história do país em mundiais e como apostar no site Betobet.

  • História da seleção em Copas
  • Melhores desempenhos
  • Piores campanhas
  • Top 5 jogadores históricos
  • Top 5 destaques para o Catar
  • Cotações das partidas no site Betobet
  • Cotação para apostar no mercado “Vencedor Final”
Bono

100% até R$200

OBTER BÔNUS

História da Seleção da Alemanha nas Copas

Quatro vezes campeã do mundo e com 19 participações, a seleção da Alemanha só fica atrás do Brasil, único país a participar de todas as edições dos mundiais. E nesta 20ª aparição no torneio organizado pela Fifa, os alemães querem apagar a péssima impressão deixada quatro anos antes, na Rússia.

Campeão em 1954, 1974, 1990 e 2014, além dos vices em 1966, 1982, 1986 e 2002, “As Águias” são soberanas e especialistas quando o assunto é Copa do Mundo. Quer saber como foram os melhores desempenhos e piores participações dentro do “AFC na Copa”? Fica com a gente!

1954-selecao-da-alemanha
Em 1954, na Suíça, a Alemanha de Fritz Walter (direita) ganhou o mundo pela primeira vez.

Melhores desempenhos

Após ser banida da Copa de 1950 no Brasil devido às consequências da Segunda Guerra Mundial, os alemães vieram fortes para o seu primeiro título, em 1954. Na edição sediada na Suíça, os europeus perderam para húngaros e venceram os turcos duas vezes para garantir vaga na segunda fase.

Nas quartas de final, a Alemanha venceu a extinta Iugoslávia por 2 a 0 e classificou-se para encarar a Áustria. Na semifinal, 6 a 1 sobre o país vizinho e vaga garantida na sua primeira final. Que foi contra a Hungria, mesmo adversário da primeira fase. Só que desta vez o placar foi favorável aos alemães: 3 a 2 e caneco.

1974

O segundo título veio 20 anos depois, sob seus domínios. Quis o destino que Alemanha Ocidental e Alemanha Oriental caíssem na mesma chave, protagonizando o chamado “Duelo entre irmãos”. Nesta partida, a então parte oriental do país terminou vencedora por 1 a 0.

Antes desta partida, a Alemanha Ocidental venceu Chile e Austrália na primeira fase. Na segunda fase, em um quadrangular, os donos da casa receberam Iugoslávia, Suécia e Polônia e venceram todos. Na final, encarou a forte seleção holandesa na final: 2 a 1 para os anfitriões.

1990

Na segunda Copa do Mundo realizada na Itália, a seleção alemã goleou a então Iugoslávia e Emirados Árabes Unidos por 4 a 1 e 5 a 1, respectivamente. Já classificada, empatou em 1 a 1 com Colômbia no terceiro jogo do seu grupo.

Nas oitavas de final, a Alemanha venceu a Holanda por 2 a 1, credenciando-se assim para encarar a extinta Tchecoslováquia nas quartas. Após vencer por 1 a 0, o país chegou até a semifinal e nesta fase eliminou a Inglaterra nas penalidades, após empatar em 1 a 1 durante os 120 minutos.

A grande final em solo italiano pôs frente a frente os finalistas de quatro anos antes, no México. Só que desta vez Maradona menos inspirado e Lothar Matthaus mais maduro, o quarto título do país europeu chegou: 1 a 0 chorado através de um pênalti no mínimo duvidoso.

2014-selecao-da-alemanha
Mário Goetz marcando o gol da vitória alemã sobre os argentinos, na Final da Copa de 2014.

2014

A quarta estrela no peito dos “Onze Nacionais” chegou no Brasil, em 2014. Após golear Portugal na estreia, empatar com Gana e vencer os Estados Unidos, a Seleção alemã partiu para as oitavas contra um adversário teoricamente fraco.

No entanto, a Argélia deu muito trabalho para os europeus, que venceram e avançaram após fazer 2 a 1 somente na prorrogação. Nas quartas, a Alemanha encararia a França e venceria por 1 a 0, dando assim a condição para encarar os donos da casa na fase seguinte.

Num dos jogos mais marcantes da história das 20 Copas realizadas, os alemães aplicaram um inacreditável 7 a 1 sobre os brasileiros. Com a vitória humilhante, o time chegou para a grande final contra a Argentina (sim, mais uma vez ela) mais forte do que nunca.

Após 0 a 0 no tempo normal, o jogo foi para a prorrogação, que terminou com o placar de 1 a 0 sobre os sul-americanos. Foi a terceira final de mundial entre os dois países. Um dos grandes nomes da campanha alemã foi o goleiro Manuel Neuer.

Piores campanhas e/ou decepções

Sem dúvida, quando o assunto é pior campanha atrelada a maior decepção em uma edição, os alemães certamente ainda convivem fresquinho na memória com a Rússia 2018. Afinal, foi neste torneio que a equipe protagonizou um vexame atrás do outro.

Na estreia, a equipe europeia foi derrotada para o México pelo placar de 1 a 0. Na segunda partida, até que os alemães ensaiaram uma recuperação no seu grupo vencendo a Suécia por 2 a 1.

No entanto, a derrota diante da Coreia do Sul por 2 a 0 selou um dos maiores fracassos entre as atuais campeãs do mundo. Foi a quinta vez que o então atual defensor do título foi eliminado na fase de grupos. A primeira foi com o Brasil, em 1966, depois com França, em 2002, Itália, em 2010 e Espanha, em 2014.

Top 5 jogadores históricos em Copas

  • Gerd Müller
  • Fritz Walter
  • Lothar Matthäus
  • Miroslav Klose
  • Jürgen Klinsmann

Top 5 destaques para o Catar

Os atletas Manuel Neuer, Antonio Rüdiger, Joshua Kimmich, Thomas Müller e Kai Havertz são os principais nomes do técnico Hans-Dieter Flick para a Copa do Catar. Tirando jovem Havertz, todos estavam em 2018, na pior participação alemã em mundiais. Agora será diferente?

2022-selecao-da-alemanha
O time base da Alemanha que irá rumo ao pentacampeonato no Catar.
Bono

100% até R$200

OBTER BÔNUS

Cotações das partidas para apostar

Após ficar um pouco mais por dentro da rica história alemã, confira agora as cotações* para você apostar na equipe através do site Betobet. Separamos apenas as probabilidades das duas primeiras partidas no popular mercado “1×2” para você palpitar. Os enfrentamentos dizem respeito ao Grupo E, que tem ainda Espanha, Japão e Costa Rica.

Terça-feira (23), às 10h, no Estádio Internacional Khalifa – Doha

  • Alemanha – 1.40
  • Empate – 4.40
  • Japão – 6.75

Domingo (27), às 16h, no Estádio 974 – Doha

  • Espanha – 2.50
  • Empate – 3.30
  • Alemanha – 2.70

Cotação para apostar no mercado “Vencedor” da Copa

Caso decida apostar na vitória da seleção da Alemanha nesta Copa, saiba que as chances disso ocorrer são consideradas altas. Contudo, as odds não estão muito atrativas no site Betobet. Na casa de apostas é possível encontrar a cotação de 11.0 no mercado “Resultado Final”, presente na seção “Fifa World Cup 2022”.

Confira a seguir os últimos artigos das seleções que disputarão a Copa a partir de 20 de novembro e aproveite o bônus Betobet.

*as cotações costumam variar no decorrer dos dias que antecedem a Copa.


Compartilhe:

Deixe um comentário