Barclays Premier League – Análise da 8ª rodada

 

  • Barclays Premier League – Sábado – 18/10 – 8ª rodada

adebayorManchester City (2º) x Tottenham (6º) – Etihad Stadium – 08h45

O Tottenham não só entra no Etihad Stadium para enfrentar o atual campeão inglês. A equipe londrina também enfrenta o terrível estigma de duas goleadas sofridas para os Citizens na temporada passada, quando teve André-Villas Boas e Tim Sherwood no comando técnico. Confiante, a equipe parece ter uma boa consistência com Mauricio Pochettino na área técnica e dificilmente repetirá o par de fiascos dos últimos confrontos.

Sólido diante da sua torcida, o Manchester City é um dos grandes favoritos para o título da temporada e deve ter a consciência de que os confrontos diretos contra equipe que compõem o hall que costuma ir as competições europeias são essenciais e fazem diferença no resultado final. Portanto, devem buscar impor seu jogo desde os minutos iniciais. E Manuel Pellegrini sabe que um Tottenham diferente terá como oposição na partida que abre essa 8ª rodada.

Para ambas as equipes marcarem – Sim @1.66

welbeckArsenal (8º) x Hull City (11º) – Emirates Stadium – 11h00

O Arsenal entra em campo com o Hull City com nada menos do que nove jogadores lesionados, entre eles Özil, Giroud, Debuchy, Walcott, Koscielny e Ramsey, além da suspensão do lateral Chambers. O que, de certa forma, equilibra o confronto contra um Hull City que gastou bem para buscar um posto acima da metade da tabela nesta temporada. Entre as principais aquisições, o meio-campista Ben Arfa e o atacante Abel Hernández, que chegaram de Newcastle e Palermo respectivamente.

Dessa forma, os Gunners devem entrar em campo ainda mais impregnados do ideal de Wenger. Mais jovem e com reservas, a equipe tende a ser mais incisiva, assim como deixar resguardas não tão bem defendidas. Apimentando o confronto contra um Hull que costuma marcar mesmo fora de casa.

Mais de 2.5 gols @1.66

ennerBurnley (19º) x West Ham (7º) – Turf Moor – 11h00

Superando expectativas na competição até aqui, o West Ham terá a oportunidade de manter o Burnley sem vitórias em oito partidas. A equipe de Londres ainda sem Andy Carroll ocupa a sétima colocação e um saldo de gols positivo, desempenho impensável nos últimos anos. No entanto, para a partida fora de casa, Joey O’Brien e Kouyaté estão fora por lesão e desarrumam uma lacuna defensiva importante.

Em casa, a equipe de Lancashire está sedenta pela conquista dos primeiros três pontos com um triunfo desde seu mais recente retorno à Premier League. A equipe que já segurou o Manchester United em casa tem muito provavelmente o menor montante de recursos para o elenco e tentará sobreviver a elite do futebol inglês. Para isso, precisa – no mínimo – defender bem seu território.

Burnley ou Empate @1.48

schurrleCrystal Palace (15º) x Chelsea (1º) – Selhurst Park – 11h00

Praticamente perfeito e invicto em sete rodadas, o Chelsea tem um encontro indigesto contra o Crystal Palace nesta rodada. A equipe mais modesta de Londres na primeira divisão conseguiu finalmente – depois de anos de tentativas – manter-se na elite e não entregará de mão beijada sua vaga no ano seguinte. Inconstante neste início, o Crystal tem proposta semelhante à costumeira do Stoke contra os gigantes da competição.

A equipe busca se fechar completamente e busca principalmente nas bolas aéreas se impor através do confronto físico em busca dos gols. O que por vezes acaba fluindo. Mas será quase impossível para o Chelsea na atual fase. Fase fantástica essa que compartilha Diego Costa. O espanhol, que desencantou pela Fúria na última semana, já tem nove gols em sete partidas disputadas a nível doméstico e estará mais uma vez em busca de deixar sua marca contra o Crystal Palace, que tem média superior a dois gols sofridos por partida.

Diego Costa para marcar a qualquer altura @1.83

howardEverton (17º) x Aston Villa (10º) – Goodison Park – 11h00

Roberto Martínez é um ótimo treinador. O Everton tem uma equipe interessantíssima. Mas a irregularidade dos Toffees até essa oitava rodada tem custado bastante. A equipe ocupa a vexatória 17ª posição e diante de sua torcida não conseguiu uma vitória na Premier League. A hora é essa, se não, a situação pode começar a piorar exponencialmente.

Em Liverpool, fora de casa, o Aston Villa já bateu o Liverpool, mas chega para o encontro numa sequência de três derrotas seguidas e em qualquer movimento em falso do Everton pode fazer mais uma vítima na Terra dos Beatles. Porém, o elenco não é qualificado o suficiente para bater de frente com um Everton organizado. Que já está mais do que na hora de aparecer.

Everton e mais de 2.5 gols @2.40

ulloaNewcastle (18º) x Leicester City (12º) – St. James’ Park – 11h00

Sem Riviére, Santon e De Jong, o Newcastle que ainda mantém Alan Pardew no comando técnico (???), tenta sua primeira vitória contra um empolgante Leicester City que já mostrou espírito de tudo ou nada na competição e meteu nada menos do que cinco gols no Manchester United. A partida tende a manter o triste nível do técnico das partidas que o Newcastle faz no St. James’ Park.

Somando isso à média de cinco cartões por partida de Mike Atkinson, mediador do confronto, e também ao histórico atual de ambas as equipes em partidas similares, e a irredutibilidade da casa em determinados mercados no jogo, acreditar em alguns lances mais bruscos entre brucutus como Coloccini, Konchesky, Tioté, Colback e Drinkwater deve valer a pena.

Cartões – Mais de 3.5 @1.83

pellèSouthampton (3º) x Sunderland (13º) – St. Mary’s Stadium – 11h00

Com essa linha ofensiva (Mané – Pellè – Tadic) afinada como tem se apresentado, o Southampton deve brigar por uma das vagas da competição para competições europeias da temporada seguinte. A equipe, orquestrada por Ronald Koeman, é muito bem ajustada também no centro do campo, com Davis, Wanyama e Schneiderlin, um grandíssimo jogador. Diante de sua torcida, a equipe que ocupa gloriosamente a 3ª posição da competição deve sair com mais uma vitória, prolongando o ótimo momento.

O Sunderland é plenamente batido sem muitas mudanças em relação aos últimos anos. A equipe que tem sim um bom fomento financeiro, parece estagnada ao ostracismo na Premier League, posição que tem contemplado até então na atual edição do certame.

Southampton ML @1.53

  • Barclays Premier League – Domingo – 19/10 – 8ª rodada

bartonQueens Park Rangers (20º) x Liverpool (9º) – Loftus Road – 10h30

Sem graça, o QPR precisa ao menos encontrar uma fórmula que o deixe na primeira divisão. A equipe, a torcida, tudo precisa ser condicionado à elite. Uma nova queda seria trágica. Mas após sete partidas a equipe já amarga a última posição do campeonato e tem no seu próximo adversário algumas dificuldades evidentes a vista. O Liverpool não engrenou, é mais forte que o QPR, mas fora de casa se complica contra pequenos.

A partida acaba se tornando assim uma prova. Para o Liverpool, dos seus reforços, pouco brilhantes até tal ponto. Balotelli, Markovic e Lambert principalmente (todos atacantes) estão lá para suprir a montanha de gols que cabiam a Luis Suárez. No QPR, prova de que a equipe está no nível que lhe classifica. A primeira divisão.

Metade com mais gols – 2ª parte @2.00

dyerStoke (16º) x Swansea City (5º) – Britannia Stadium – 13h00

Com a saída de Michael Laudrup do posto de treinador na equipe dos Gales, o ascendente sucesso do Swansea foi colocado em cheque. Mas Garry Monk tem cumprido com seu dever e a equipe – mesmo sem Michu – tem se mostrado envolvente como nas últimas temporadas, e também eficiente, pela atual 5ª posição.

Mas a tabela pode ser bastante enganosa. São apenas três pontos de diferença para a 13ª colocação do Stoke, que em casa aplica um mesmo jogo há pelo menos uns pares de temporadas. Inferior tecnicamente, a os Potters precisarão utilizar de um jogo que pode ser efetivo contra o latino Swansea. Mas, pelo delinear do jogo, é difícil crer em algo que encha os olhos.

Menos de 2.5 gols @1.70

  • Barclays Premier League – Segunda – 20/10 – 8ª rodada

rooneyWest Bromwich (14º) x Manchester United (4º) – The Hawthorns – 17h00

Louis van Gaal teve praticamente um mês completo desde a derrota por 5 a 3 para o Leicester City, para arrumar a casa. Desse recesso da Premier League, apesar das datas que muitos de seus atletas cumpriram pelas seleções, deve ter ganho aparente quando a equipe entrar em campo para medir forças com o West Bromwich.

A brutal diferença técnica, pelo menos virtual, parece suficiente para crer num engate de resultados positivo após esse início de trabalho ex-treinador da seleção holandesa diante dos Red Devils. Com um pouquinho de harmonia tática e uma dose de atenção na defesa, a equipe tem os atributos de recuperar a estima de uma das melhores equipes do mundo.

Manchester United ML @1.75


AutorApostasFC apostasadmin
data18/10/2014


Compartilhe:

Deixe uma resposta